12 dicas essenciais para manter-se saudável

Assunto: Saúde e Prevenção

 

Nunca é tarde para adotar hábitos mais saudáveis e mudar sua vida para melhor.

Quem não quer ter mais saúde para viver uma vida longa, aproveitando diversos momentos? Se existe algo que realmente tem um preço inestimável, esse algo é nosso bem-estar.

Em decorrência de todo o trabalho e ritmo acelerado do dia a dia, muitas vezes deixamos de nos preocupar com o quanto nossos hábitos impactam nossa saúde, tanto negativa quanto positivamente.

Sendo assim, muitas são as pessoas que só se sentem estimuladas a fazer mudanças e incorporar práticas melhores de alimentação, exercícios e prevenção de doenças quando realmente passam por um período em que têm a saúde debilitada.

Como nosso desejo é o de que você não precise passar por uma situação ruim para criar uma maior consciência em relação à sua saúde, preparamos uma lista com 12 dicas-chave para que você tenha uma melhor compreensão acerca das decisões que toma e, principalmente, para que comece a viver uma vida mais saudável e proveitosa. Confira:

  1. Pense em prevenir e não em remediar

Quando o assunto é saúde, talvez o conselho mais valioso de todos seja pensar no ditado popular: é melhor prevenir do que remediar.

Isso significa que é muito mais vantajoso que você tome certas medidas para evitar contrair doenças ou vivenciar outros casos clínicos do que se preocupar com isso quando estiver vivenciando algo do tipo.

É mais barato, menos dispendioso e colabora com sua longevidade.

  1. Foque nos benefícios a longo prazo

Já ouviu falar na expressão “é uma maratona, não uma corrida”? Com a sua saúde é assim. Dependendo do momento você pode até se sentir um pouco frustrado por não perceber os resultados que gostaria em algum determinado período de tempo, mas investimentos feitos na saúde são colhidos principalmente a longo prazo.

Por isso, para que você não se desanime após uma semana ou um mês, lembre-se sempre de todos os benefícios que você terá depois por aplicar, diariamente, medidas que lhe trarão um maior bem-estar pelos anos que virão.

  1. Eduque-se sobre questões alimentares

Qualquer pessoa já tentou fazer algum tipo de dieta na vida, sendo muitas dessas apenas “dietas da moda” ou então baseadas em algo que ouviram falar de um terceiro.

Enquanto é verdade que dietas têm seu lugar e sua função, o mais importante de tudo para alguém que busca melhorar sua saúde a longo prazo é educar-se a respeito da nutrição como um todo.

É dos alimentos que retiramos os nutrientes que nos energizam e que mantêm nosso organismo funcionando bem. Portanto, não basta simplesmente comer – é preciso comer os alimentos certos.

  1. Invista e preze por alimentos de qualidade

Tendo relação direta com a dica anterior, é crucial que você invista em alimentos de qualidade, com procedência, e que realmente lhe ofereçam benefícios, além de simplesmente saciar a fome.

Citando a tradicional análise do combustível: você prefere abastecer seu carro com gasolina mais barata, mas com procedência duvidosa – podendo até ser adulterada, coisa que pode causar danos ao motor –, ou com gasolina com procedência garantida, que dará ao seu carro melhor rendimento e segurança?

A mesma análise se aplica a nós, sendo nosso organismo o carro e a gasolina os alimentos que consumimos.

  1. Pratique exercícios e condicione seu corpo

Muitas pessoas passam suas vidas achando que exercícios físicos servem apenas para fins estéticos e que não influenciam tanto assim na saúde. Infelizmente, elas acabam descobrindo que isso não é bem verdade apenas quando já estão vivenciando algum problema ou risco de saúde.

Exercícios oferecem benefícios a curto, médio e longo prazo nos mais diversos aspectos. Seu metabolismo melhora, seu equilíbrio hormonal melhora, sua disposição e clareza mental melhoram, e por aí vai.

Dos aeróbicos aos que envolvem maior esforço muscular, o ideal é que você condicione seu corpo das mais variadas formas a fim de obter os melhores resultados possíveis.

  1. Evite o tabagismo

Por mais que seus malefícios sejam amplamente divulgados, como aumento no risco de AVCs (acidente vascular cerebral) e tumores, o tabagismo continua sendo um dos problemas da sociedade moderna que ameaça a saúde de pessoas ao redor do mundo.

Dadas as proporções dessa questão, não poderíamos deixar essa dica de fora: se você está pensando em viver uma vida mais saudável do que vive atualmente, definitivamente deve deixar de lado o consumo de quaisquer produtos que contenham tabaco.

  1. Não consuma álcool em excesso

Não são novidade pesquisas que demonstram os benefícios do consumo de moderadas doses de álcool, como uma taça de um bom vinho por dia. No entanto, por mais que esses benefícios sejam sedutores, o consumo de álcool em excesso certamente tem malefícios.

Seja a curto, médio ou longo prazo, quantias elevadas de álcool em nosso organismo podem trazer problemas renais, cardíacos, hormonais, aumento de peso e muitos outros.

  1. Controle seus níveis de estresse

Nos dias atuais, é praticamente impossível viver sem passar por situações estressantes. O que é possível, no entanto, é controlá-las e até tentar diminuí-las, a fim de evitar efeitos como dores musculares, problemas cardíacos, respiratórios e digestivos, baixa no sistema imunológico, etc.

Para se precaver, as estratégias são várias: melhoras na alimentação, prática de exercícios físicos, reservar um período de relaxamento e lazer diário e, claro, acompanhamento médico.

  1. Busque acompanhamento médico

Aproveitando o encerramento da nossa dica anterior, o valor do acompanhamento médico como forma de manter-se saudável não deve ser subestimado.

Muitas pessoas acabam procurando auxílio médico apenas em casos de necessidade, porém, o ideal seria incorporar a atuação de profissionais da saúde também na prevenção de casos clínicos.

  1. Não esqueça do seu bem-estar psicológico

Por mais que muitas das nossas dicas façam referência a questões de saúde física, nosso bem-estar também depende muito da nossa saúde psicológica – e isso envolve diversos fatores.

Satisfação com o trabalho e atividades de rotina, interação com pessoas queridas, conquista dos seus objetivos… A lista é longa, mas todos esses itens servem como lembrete de que é importante que você não apenas mantenha seu corpo saudável, mas também saiba alimentar seu psicológico com aquilo que você almeja.

  1. Mude seus hábitos gradualmente

Por mais estranho que isso possa parecer, um dos maiores erros cometidos por pessoas que querem mudar de vida ou de hábitos e melhorar sua saúde é tentar fazer mudanças muito drásticas ou várias ao mesmo tempo.

O porquê disso reside no fato de que cada alteração na sua rotina e hábitos exigirá energia, motivação e disciplina até que se torne um verdadeiro hábito. Ou seja: tentar fazer muitas mudanças ao mesmo tempo pode esgotar suas energias e sua motivação antes do tempo.

Um exemplo disso é o número de pessoas que acabam desistindo de dietas ou exercícios após uma semana ou um mês.

Por isso, não tenha pressa. Como comentamos anteriormente, é uma maratona e não uma corrida. Incorpore gradualmente hábitos melhores, vá retirando de pouco em pouco os excessos e, quando você se der conta, já estará colhendo os benefícios das suas mudanças de hábito.

  1. Não se esqueça de aproveitar a vida

Por fim, queremos deixar nosso lembrete de que, apesar de tudo, a vida não é uma competição para decidir quem é o mais dedicado ou saudável de todos. Inclusive, parte do seu bem-estar advém diretamente da sua capacidade de saber aproveitar momentos de lazer e relaxamento.

Uma refeição fora dos planos, uma taça de vinho a mais, um dia sem ir à academia… É claro que ocasiões como essas não precisam se tornar recorrentes, mas certamente também têm seu valor.

Encontre o equilíbrio que melhor funcionar para você de acordo com seus objetivos e viva intensamente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *