As principais funções da coluna vertebral e as doenças que a afetam

Assunto: Corpo Humano

 

A coluna vertebral é uma das principais estruturas do nosso esqueleto. É ela que sustenta nosso corpo e que possibilita o movimento da cabeça e da pelve. Ela se inicia justamente na base do crânio e termina na junção com o quadril.

Nossa coluna pode ser dividida em cinco partes: cervical, torácica, lombar, sacral e cóccix. No total, são 33 vértebras de diferentes tamanhos. A coluna tem a função de transferir as cargas dos membros superiores para a pélvis, possibilitar os movimentos do pescoço ao tronco além de proteger a medula espinhal. É a medula espinhal que faz a transmissão de todas as informações entre corpo e cérebro.

As principais doenças da coluna vertebral

Assim como todo o nosso organismo, a coluna vertebral pode apresentar algumas doenças, principalmente com o avançar da idade. O envelhecimento é uma das principais causas das doenças na coluna, mas além da idade, alguns problemas podem surgir por descuido. Um grande exemplo disso é a postura errada na hora de sentar: esse hábito tem deixado muitos brasileiros com problema de coluna muito antes da terceira idade.

Além da postura, outras atitudes também podem causar doenças na coluna, como transportar pesos excessivos, usar saltos altos, abaixar-se de forma incorreta e fazer atividades físicas exageradas. Por isso, todo cuidado é necessário. Conheça a seguir as principais doenças da coluna vertebral:

– Hérnia de disco: ocorre um abaulamento no disco gelatinoso pressionando os nervos e causando um desconforto, gerando uma lesão no disco ou a degeneração do mesmo. A dor da hérnia de disco refletir em outras partes do corpo, como pernas e braços. É causada em grande parte por má postura e pelo carregamento de peso excessivo.

– Lombalgia: é a famosa dor nas costas, pode ser causada por uma hérnia de disco, má postura e artrite, mas também pode ser reflexo de outros problemas. Segundo dados da Secretaria da Previdência do Ministério da Fazenda, em reportagem feita pelo Grupo NSC, a lombalgia foi a doença que mais afastou os catarinenses do trabalho em 2017, com 7,3 mil casos confirmados.

– Estenose do canal espinhal: é o estreitamento do canal vertebral lombar. Muito comum em idosos, as causas são geralmente degenerativas. Entre os sintomas mais comuns estão dor, dormência e fraqueza muscular. Já os tratamentos incluem medicamentos, fisioterapia e, em alguns casos, cirurgia.

– Artrose: é a degeneração e a destruição da cartilagem entre as vértebras, muito comum em pessoas idosas. Os principais sintomas são dores nas costas e dificuldade de movimento. Fisioterapia é o mais recomendado nesses casos.

– Tumores: a coluna vertebral não está livre de tumores. Os mais comuns são os ósseos, os quais podem ser provenientes de outros tumores pelo corpo. O câncer de mama, por exemplo, se não for tratado, pode espalhar-se pelo corpo e causar um tumor ósseo. Os principais sintomas são dores locais, dores nas pernas e nos braços, formigamento nos pés e nas mãos e até atrofia na musculatura.

A coluna vertebral sustenta o nosso corpo, então, apresentando qualquer tipo de problema ou de sintoma, é necessário procurar imediatamente um médico, além de realizar exames periódicos.

Gostou do nosso post? Acesse o nosso site e descubra o que fazemos de melhor!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *