Preciso fazer uma cranioplastia, e agora?

Assunto: Cranioplastia

 

A cranioplastia é a reparação de uma deformidade ou defeito do crânio por meio de uma cirurgia. Esse procedimento chegou para trazer uma nova oportunidade para pessoas que sofrem com esse tipo de situação. É um resgate da autoestima e de diversas funções originais da parte afetada. Os casos são variados, como traumas causados por acidentes, retiradas de tumores, deformações congênitas e craniotomias descompressivas.

O paciente que procura a cranioplastia está ciente da necessidade de realizar a operação. Além de ser esteticamente desagradável, esse defeito no crânio pode causar riscos para a pessoa. A operação pode ajudar na função neurológica e também resgatar a autoestima perdida por causa do problema. O procedimento é delicado e precisa ser feito por uma equipe qualificada. O osso circundante precisa ser bem preparado e a prótese tem que ser perfeita para o encaixe.

 

PMMA

A escolha do material utilizado na operação também precisa ser perfeita. Com um excelente custo-benefício, a prótese em cimento ósseo acrílico PMMA, Polimetilmetacrilato, vem sendo bem utilizada pelos médicos há mais de 40 anos, e apresenta-se como um métodos muito eficaz.

A prótese moldada em PMMA encaixa perfeitamente no crânio do paciente, garantindo sucesso maior na operação. Sua produção é rápida e não custa muito. O PMMA também permite a realização de exames radiológicos no pós-operatório para monitoramento.

 

Como funciona a cranioplastia

O paciente que deseja realizar uma cranioplastia precisa seguir alguns passos indicados por pessoas especializadas no assunto. O primeiro deles é realizar uma tomografia computadorizada para avaliar a região danificada. É preciso seguir o protocolo de captação da Customize, referência em tecnologia na área da saúde.

Após a realização da tomografia, as imagens precisam ser encaminhadas por meio da plataforma da Customize. Com as informações contidas nas imagens, o software desenvolve uma estrutura virtual de molde baseada na reconstrução do crânio do paciente.

Esse modelo é enviado para o médico do paciente em um formato 3D virtual, para a sua aprovação. Dando o “OK”, a produção do molde é realizada com muita precisão pelo método de sinterização (processo de aglutinação de partículas sólidas por aquecimento em temperaturas abaixo da temperatura de fusão) a laser.

Com o molde pronto, o produto é encaminhado para o médico cirurgião que fará a operação. Vale lembrar que esse procedimento é o mais recomendado pelos médicos.

Após a cirurgia, o paciente é liberado no decorrer de alguns dias, mas ainda requer cuidados. É de extrema importância o acompanhamento médico no pós-operatório. Antes de receber alta do hospital, o paciente também precisa passar por uma nova tomografia, para avaliar a situação do encaixe da prótese no crânio. Qualquer problema ou sintoma precisa ser relatado ao médico. Por isso, durante esse processo de recuperação, é necessária paciência para retomar sua rotina normal.

Como em qualquer cirurgia, o paciente precisa estar ciente dos riscos e isso precisa ser conversado muito bem com o médico antes da operação.

Quer saber mais sobre a cranioplastia? Entre em contato conosco e saiba mais sobre o procedimento. Somos a customize.life e oferecemos soluções tecnológicas que estão revolucionando a área da saúde. Deixe-nos impressionar você!

Leia também:

Cranioplastia: Cuidados pós-operatórios

Cranioplastia realizada com sucesso: Unimed – Campinas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *